RÁDIO PORTAL FM DE CATARINA ONLINE

RÁDIO PORTAL FM DE CATARINA ONLINE - WHATSAPP E CELULAR - (88) 9-8832-5446

segunda-feira, 2 de abril de 2018

ELEIÇÕES: Governistas estão decididos quanto à aliança no CE

Foto - Paulo César Norôes 
O prego está batido, falta só virar a ponta. Semana passada, no apartamento de Eunício Oliveira, na Mansão Macedo, o senador se reuniu com o governador Camilo Santana e o ex-governador Cid Gomes e fecharam a chapa majoritária do grupo governista para a eleição deste ano. Não há nenhuma surpresa, é aquilo que já vinha se desenhando. Camilo disputa a reeleição, com Zezinho Albuquerque na vice. Vice-governadora atual, Izolda Cela, será suplente de Eunício, que vai disputar a reeleição. A outra vaga de senador é de Cid Gomes. Ficou acertado ainda que o segundo suplente de Eunício e os dois de Cid serão todos políticos, nada de amigos empresários ou afins. Outra decisão: os principais partidos
aliados - PT, PDT, MDB, DEM, PPS e PP - sairão coligados nas eleições de deputado estadual e federal.
De saída
Pelo menos quatro secretários devem deixar os cargos esta semana, na Prefeitura de Fortaleza. Francisco Queiroz Maia (Gabinete) e Evaldo Lima (Cultura) serão candidatos a deputado estadual: Mosiah Torgan (Desenvolvimento Econômico) e Antonio José (Regional IV) a deputado federal; e Alexandre Pereira (Turismo), que ainda não definiu a qual cargo será candidato, se é que vá ser.
De saída 2
No âmbito do governo estadual, deixarão os cargos Mauro Filho (Fazenda), Idilvan Alencar (Educação) e Nicole Barbosa (Adece) serão candidatos a deputado federal, enquanto Dedé Teixeira (Desenvolvimento Agrário), Josbertini Clementino (Trabalho) e Fernando Santana (Gabinete) tentarão vaga na Assembleia Legislativa. Jesualdo Farias (Cidades) desistiu de se candidatar.
Sangue novo
Planalto comemorou a soltura dos amigos de Temer, presos e depois soltos a mando do ministro do STF Luís Roberto Barroso. Ficou claro que a prisão foi para driblar a proibição, pelo STF, da condução coercitiva. A própria PGR que pediu a prisão solicitou a soltura, depois de ouvir os presos. De todo modo o governo está alerta quanto ao surgimento de uma terceira denúncia contra o presidente.
Virou PL
Amanhã, na Câmara dos Deputados, haverá a edição do Projeto de Lei do Governo Federal que garantirá o reajuste dos profissionais Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias. Era uma PEC, mas a intervenção federal no Rio de Janeiro impede a votação de emendas à Constituição, conforme explicação do relator Raimundo Gomes de Matos (PSDB-CE).