RÁDIO PORTAL FM DE CATARINA ONLINE

RÁDIO PORTAL FM DE CATARINA ONLINE - WHATSAPP E CELULAR - (88) 9-8832-5446

quinta-feira, 28 de junho de 2018

Nove segmentos integram o XXII Pecnordeste

Foto - Honório Barbosa 
O Seminário Nordestino de Pecuária (Pecnordeste), que será realizado de 5 a 7 de julho, no Centro de Eventos do Ceará, tem a expectativa de receber 35 mil visitantes. Ele chega à XXII edição com ampla programação, que inclui nove segmentos do agronegócio: apicultura, aquicultura e pesca, artesanato, avicultura, bovinocultura, caprinovinocultura, equinocultura, suinocultura e turismo rural. Neste ano, o tema central do Pecnordeste, "Gestão e mercado: o caminho para o fortalecimento da
pecuária nordestina", mostra a preocupação dos promotores em ampliar o debate sobre as alternativas para que o setor continue crescendo, mesmo em períodos seguidos de dificuldades mediante a escassez de água no sertão cearense.
A abertura está prevista para 9h do dia 5 de julho, com a entrega da Medalha do Mérito Rural Prisco Bezerra a três personalidades escolhidas pela diretoria da Federação da Agricultura do Estado do Ceará (Faec), Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) e pela Confederação Nacional da Agricultura (CNA), nas categorias política e administração pública, científica e produtor rural/liderança classista.
Os agraciados serão o deputado federal pelo Piauí, Júlio César de Carvalho Lima, coordenador da bancada nordestina; o médico veterinário da Agência de Defesa Agropecuária (Adagri), Joaquim Sampaio Barros, coordenador estadual do Programa de Prevenção e Erradicação da febre aftosa; e José Pinto de Albuquerque, fundador e ex-presidente do Sindicato Rural de Coreaú.
O tema do evento será abordado em palestra pelo chefe geral da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) Gado de Leite, Paulo do Carmo Martins. A programação inclui visita à Feira de Produtos e Serviços Agropecuários; Salão de Tecnologias Agropecuárias; e Exposição de Animais Adaptados ao Semiárido: bovinos, caprinos, ovinos, suínos, equinos e aves.
A expectativa do coordenador geral, Sérgio Oliveira da Silva, é receber, durante os três dias do Seminário, 100 caravanas de produtores, 35 mil visitantes e 4.500 inscritos entre técnicos, produtores, micro e pequenos empresários e profissionais liberais, estudantes, médicos veterinários, engenheiros agrônomos, zootecnistas, técnicos agrícolas e pesquisadores.
"O Pecnordeste é o maior evento da pecuária nordestina por reunir em um só espaço nove segmentos do agronegócio com o objetivo de contribuir para o desenvolvimento sustentável do setor, estimulando a difusão de novos conhecimentos e negócios", afirma o presidente da Faec, Flávio Saboya.
Atrações
No estacionamento do Centro de Eventos, os visitantes terão contato direto com cerca de 90 animais das raças dos seis segmentos pecuários adaptados ao Semiárido. "O produtor poderá fazer negócios, adquirir matrizes e participar das oficinas de capacitação", pontua o coordenador da exposição, Henrique Matias. O espaço é aberto ao público das 10h às 22h.
O salão de tecnologias agropecuárias vai premiar três iniciativas mais aplicáveis ao meio rural por serem mais acessíveis e sustentáveis. Os participantes poderão conferir seis casos de sucesso nas áreas de apicultura (Cooperativa Sertaneja Cearense de Paramoti); avicultura (frangos e ovos caipira de Russas e Limoeiro do Norte); bovinocultura (pastejo irrigado subterrâneo); caprinovinocultura (confinamento intensivo - Cialne); produção de palma forrageira em pequenas propriedades e turismo rural (Fazenda Flores).
Estão programadas 25 oficinas diversas e serão ofertados seminários sobre a palma, contabilidade rural e turismo rural.
Mais informações:
XXII Seminário Nordestino de Pecuária (Pecnordeste)
XXII Feira de Produtos e de Serviços Agropecuários
Data: 5 a 7 de julho
Local: Centro de Eventos do Ceará

por Honório Barbosa - Colaborador


Nenhum comentário:

Postar um comentário