VOCÊ ESTÁ OUVINDO A RÁDIO CATARINA FM ONLINE - WHATSAPP (88) 9-8854-7627

VOCÊ ESTÁ OUVINDO A RÁDIO CATARINA FM ONLINE - WHATSAPP (88) 9-8854-7627
CLIQUE NA IMAGEM E BAIXE O RÁDIOS NET E LEVE A RÁDIO CATARINA FM ONLINE COM VOCÊ

terça-feira, 11 de dezembro de 2018

Homem invade missa, mata cinco e comete suicídio na Catedral de Campinas


Suspeito matou quatro pessoas e praticou suicídio, em Campinas — Foto: Reprodução/EPTV
 Foto: Reprodução/EPTV
Um homem matou cinco pessoas e deixou três feridas após invadir uma missa na Catedral Metropolitana, no Centro de Campinas (SP), na tarde desta terça-feira (11), segundo o Samu, Bombeiros e Polícia Militar. O suspeito pelos disparos na igreja, de acordo com as corporações, cometeu suicídio em seguida. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o suspeito teria entrado na Catedral com uma pistola e um revólver calibre 38, e se matado em frente ao altar após os crimes.


O que já se sabe sobre o ocorrido:
Um homem armado invadiu a Catedral, por volta das 13h;
Uma missa havia começado por volta das 12h15;
Ele matou quatro pessoas, deixou quatro feridos e cometeu suicídio na sequência;
A motivação do crime não foi esclarecida pela polícia;
Os feridos foram levados ao Mário Gatti e Hospital de Clínicas (HC) da Unicamp - o estado de saúde de cada um deles não foi divulgado;

Os mortos não foram identificados e a polícia investiga a motivação do crime. A princípio, a informação recebida pela EPTV é de que houve um assalto antes, mas autoridades negaram. Equipes do Samu e dos Bombeiros foram enviadas ao local, por volta das 13h20. A informação inicial é de que uma mulher de 65 anos, com ferimentos na região da cervical, foi levada ao Hospital Mário Gatti; enquanto que outra, de 40 anos, foi levada ao Hospital de Clínicas da Unicamp. A terceira vítima também estaria em estado estável, segundo o Samu, mas não há informações sobre para qual unidade ela deve ser encaminhada. O entorno da Catedral está isolado e câmeras de monitoramento da CinCamp registraram a movimentação na área. 






Nenhum comentário:

Postar um comentário