RÁDIO PORTAL FM DE CATARINA ONLINE

RÁDIO PORTAL FM DE CATARINA ONLINE - WHATSAPP E CELULAR - (88) 9-8832-5446

sábado, 28 de outubro de 2017

Comissão Organizadora do Campeonato Municipal de Futebol de Catarina, matem resultado do julgamento anterior e confirma 3 pontos para a Chapada.

A imagem pode conter: 15 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé, atividades ao ar livre e texto

A Comissão Organizadora do Campeonato Municipal de Futebol de Catarina, voltou a se reunir nesta quinta-feira (26), na sua sede, com ausência do membro Diomar Araujo, que estava participando de um evento e, indeferiu o pedido de anulação do julgamento anterior impetrado pela diretoria do São Francisco Futebol Clube, que pedia a punição do atleta da equipe da Chapada, Rafael Avelino de Souza, que, constava no Tribunal Superior Eleitoral – TSE, como eleitor do Município de Catarina, mas, tinha uma observação do TSE na identificação eleitoral do mesmo “ O ELEITOR NÃO ESTÁ APTO PARA VOTAR. FAVOR PROCURAR UM CARTÓRIO ELEITORAL PARA REGULARIZAR A SITUAÇÃO DE SUA INSCRIÇÃO”. A situação do atleta foi regularizada, confirmando que o mesmo é eleitor com domicilio em Catarina, por tanto, decidiu a comissão que no regulamento do Campeonato Municipal de Futebol de Catarina 2017, fica a Comissão responsável por analisar e julgar e, incluir algum “ITEM” que não esteja no regulamento.

São Francisco Futebol Clube no mesmo recurso pedia a punição do atleta da equipe da Chapada, Rafael e a anulação da punição da perda dos 3 (três pontos) que foi transferido para a Chapada.

Nenhum texto alternativo automático disponível.

Entendimento da Comissão Organizadora do Campeonato Municipal de Futebol de Catarina 2017.

O comprovante de domicilio eleitoral do atleta “da casa” se dá diante do próprio título de eleitor, mas já para o atleta de “fora” deve-se apresentar o comprovante da última votação (2016), para evitar que o atleta transfira seu domicilio eleitoral apenas para participar do Campeonato como sendo (atleta da casa), como o que aconteceu com o jogador Poloca, que transferiu seu domicilio eleitoral de Tauá para Catarina, bem próximo do início do Campeonato para aturar pela equipe da Lagoa do Arroz e foi barrado pela comissão. Atleta com domicilio eleitoral de Catarina deve assinar a (ficha branca). Atleta com domicílio eleitoral de outro município deve assinar a (ficha azul).

Já o atleta da Chapada, Rafael Avelino de Souza, foi inscrito na equipe no Campeonato (ficha Branca), com sendo atleta da casa, e comprovadamente atestando a veracidade dos fatos com o TÍTULO DE ELEITOR, atualizado com a biometria. 

Cada equipe pode inscrever até 5 (cinco) atletas de fora utilizando a (ficha azul).
Um comunicado oficial será enviado as equipes pela Comissão Organizadora do Campeonato Municipal de Futebol de Catarina.


Por – Diomar Araújo / Blog do Diomar Araujo.